NOTÍCIAS subscrever 

< voltar atrás

UE DESAFIADA A REFORÇAR O COMBATE AO DESPERDÍCIO ALIMENTAR

UE desafiada a reforçar o combate ao desperdício alimentar

Relatório de auditoria externa revela ineficácia da UE

O desperdício alimentar é um problema mundial que se tornou numa prioridade pública e política nos últimos anos. Os alimentos são um bem precioso e a sua produção pode implicar uma utilização intensiva dos recursos. As estimativas indicam que cerca de um terço dos alimentos é desperdiçado ou perdido, daí resultando enormes custos no plano ambiental e económico.


Uma auditoria examinou o papel que a UE desempenha na luta contra o desperdício alimentar, as acções desenvolvidas até ao momento e a forma como os diversos instrumentos políticos da UE actuam na redução desse desperdício. Centrou-se nas acções de prevenção e na doação, que são as formas mais privilegiadas de luta contra o desperdício alimentar.


Este relatório conclui que as acções desenvolvidas até à data não foram suficientes e que a estratégia da UE em matéria de desperdício alimentar deve ser reforçada e mais bem coordenada. A Comissão deve explorar formas de utilizar as políticas existentes para combater melhor o desperdício e as perdas alimentares.

Relembramos que este tem sido o tema central do projecto de cooperação europeia "Don't Waste Our Future", coordenado, em Portugal, pela Associação In Loco, com a parceria dos Municípios de São Brás de Alportel e Loulé. 




Consulte aqui a versão portuguesa do relatório. 

USERNAME

PASSWORD

EMAIL

PASSWORD